Assentos restritos em um dos auditórios

São Paulo (SP) – Desde que os órgãos de saúde divulgaram as primeiras recomendações de segurança para evitar a proliferação do novo coronavírus (Covid-19), o Republicanos Capital SP vem adotando medidas para a proteção de funcionários, colaboradores, filiados, simpatizantes e autoridades.

Entre março e julho o Republicanos Capital SP suspendeu as atividades presenciais em sua sede na capital paulista, transferiu as reuniões para a internet, através de plataformas como o Zoom, realizou lives pelo Facebook para manter o alinhamento com o time republicano e manteve as frentes de trabalho em modo home-office.

Com a desaceleração no número de novos casos de coronavírus na cidade e a flexibilização da quarentena, de acordo com o Plano São Paulo, do governo estadual, o Republicanos Capital SP acompanhou as mudanças e criou novas medidas para o retorno gradual das atividades presenciais no fim de julho.

Conforme explica o presidente municipal do Republicanos, Marcos de Alcântara, esse retorno das atividades presenciais se deve, especialmente, por conta da aproximação das eleições e porque “o partido precisa dar assistência aos seus pré-candidatos e à sua estratégia eleitoral”. 

“Ao mesmo tempo temos uma séria pandemia e temos que levar isso a sério. Portanto, a nossa sede está em funcionamento, porém temos protocolos como a medição de temperatura, quando um funcionário, um militante ou simpatizante chega no partido nós fazemos essa medição”, diz Marcos de Alcântara.

O presidente também afirma que esses cuidados devem se estender não só nesses locais, mas no cotidiano de todas as pessoas. “Acho que todo cidadão, independentemente do seu ramo de atividade, se puder ficar em casa, fique em casa. Se puder trabalhar de casa, trabalhe de casa. Já aqueles que precisam ir para as ruas, vão, mas respeitando todas as recomendações e medidas de proteção contra o coronavírus. Essa é a postura do Republicanos aqui da capital de São Paulo e é isso que pedimos e orientamos para todos os cidadãos”, conclui o presidente. 

As medidas de proteção:

  • Manutenção do distanciamento social;
  • Restrição de assentos nos auditórios;
  • Limitação de público em reuniões internas;
  • Medição de temperatura na entrada do prédio;
  • Totem e disponibilização de álcool em gel em todos os ambientes;
  • Obrigatoriedade do uso de máscaras;
  • Materiais de orientação em espaços de circulação;
  • Recomendações de segurança em todas as reuniões com pré-candidatos, movimentos e zonais. 

Texto: Flávio Ribeiro/ASCOM Republicanos Capital SP

Fotos: Wesley Ribeiro/ASCOM Republicanos SP

Materiais de orientação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This